Sexta-Feira, 21 de Setembro de 2018
Home Desenvolvedores

Os Progressive Web Apps são mesmo o futuro?

27 de abril de 2018 990 0
Os Progressive Web Apps são mesmo o futuro?

Os PWA ou Progressive Web Apps começaram a ganhar bastante notoriedade. A Google tem falado neles, a Microsoft tem falado neles e até a Apple está adicionando suporte aos Service Worker no Safari, ferramenta que é essencial para o perfeito funcionamento de um PWA.

Mas, será que os Progressive Web Apps podem um dia substituir os aplicativos nativos?

Andrew Gazdecki, que é o fundador e CEO da Bizness Apps, uma empresa que ajuda pequenas empresas a desenvolver soluções móveis para ajudá-las a crescer, escreveu um texto incrível na revista Forbes explicando porque ele e sua equipe acreditam que os PWA, os Progressive Web Apps, substituirão os tradicionais aplicativos nativos que hoje usamos no Windows, Android, iOS e outros. Vamos reproduzir a postagem dele a seguir já devidamente traduzida, então, todo o conteúdo dos próximos parágrafos é apenas uma transcrição na íntegra de seu texto original publicado na Forbes aqui. Vamos lá…

A necessidade de empresas segmentar clientes em dispositivos móveis está bem estabelecida neste momento. A questão não é mais se eles deveriam fazê-lo, mas como. Um negócio que deseja atrair clientes baseados em dispositivos móveis tem três opções: criar um site responsivo, desenvolver um aplicativo nativo ou criar um Progressive Web Apps (PWA).

Imagem relacionada

Os sites móveis são rápidos e fáceis de acessar, mas eles tendem a ser menos agradáveis ??em termos de experiência do usuário. Os aplicativos nativos fornecem uma melhor experiência ao usuário, mas eles são limitados a certos dispositivos e têm grandes barreiras à adoção. Os aplicativos nativos requerem um download, o que significa gerar compras consideráveis ??dos consumidores primeiro e perder o benefício do comportamento de impulso. Sentado entre estas opções esta a mais nova solução móvel: o PWA. Ele combina os melhores elementos de sites otimizados para dispositivos móveis e aplicativos nativos, além de reduzir suas desvantagens.

O que são os Progressive Web Apps?

No seu sentido mais simples, um Progressive Web Apps é uma aplicação móvel entregue através da web. Funciona como um aplicativo nativo, devido ao uso de um shell de aplicativo que permite gestos e navegações no estilo de aplicativo. A principal diferença é que não é necessário fazer o download a partir de uma loja de aplicativos. Ele é autônomo e funciona diretamente de um navegador da Web. Com a ajuda dos Service Workers, um Progressive Web Apps pode ser carregado instantaneamente, mesmo em áreas de baixa conectividade. Com a ajuda do pré-cache, o aplicativo fica atualizado em todos os momentos, exibindo a versão mais recente no lançamento.

Os Progressive Web Apps são eficientes e econômicos

Os PWAs são mais eficientes que os aplicativos nativos. Eles trabalham sob demanda e estão sempre acessíveis, sem ocupar a valiosa memória ou dados de um smartphone. Ao escolher usar um PWA em uma versão nativa do mesmo aplicativo, os usuários consomem menos dados (como é o caso do PWA do Twitter). No entanto, isso não significa que os usuários precisam sacrificar a conveniência de um aplicativo nativo. Eles ainda são capazes de fixar o PWA na tela inicial – é instalável sem o incômodo de um download real a partir de uma loja de Apps.

Isso não só destaca a melhoria na experiência do usuário, mas também a questão anterior do buy-in do consumidor. Os usuários devem tomar uma decisão consciente e até mesmo um compromisso de baixar e manter um aplicativo nativo. Desinstalar esse aplicativo é uma decisão igualmente final. Em contraste, clicar em um link simples é uma tarefa fácil que requer pouca consideração, pouco armazenamento de dados no seu dispositivo, sem um longo período de download e sem instalação.

Do ponto de vista do desenvolvedor, os Progressive Web Apps também são mais econômicos. Eles são mais rápidos de construir e atualizar. Você também pode criar uma versão do aplicativo e exibi-la de forma perfeita e idêntica em todos os dispositivos. Em vez do mercado segmentado de aplicativos móveis nativos – onde as empresas precisam de uma estrutura de aplicativos separada para dispositivos Apple, Windows e Android – os PWAs são unificados para funcionar em navegadores comuns a todos os dispositivos. Melhor ainda, eles custam menos para desenvolver do que um aplicativo móvel nativo.

Será que ainda resta alguma dúvida que os PWA podem ser o futuro da mobilidade? Todo DEV antenado já sabe disso e já devia ter começado a “brincar” um pouco com os PWA. Claro que quem quiser continuar investindo tempo e dinheiro em aplicações nativas terão suporte e retorno, no entanto, com a chegada da Inteligência Artificial e a Machine Learning (aprendizagem de máquina) em serviços em Nuvem, aplicações nativas vão precisar de reinventar para alcançar metas que os PWA irão entregar de bandeja a essas inovações.

Fonte: Forbes

Compartilhe:

Comentários: