Sexta-Feira, 14 de Dezembro de 2018
Home Aparelhos

Comparativo entre processadores Helio da MediaTek VS Snapdragon da Qualcomm

18 de julho de 2018 4052 0
Comparativo entre processadores Helio da MediaTek VS Snapdragon da Qualcomm

Mesmo não sendo muito comuns no mercado brasileiro, os processadores da MediaTek começaram a ficar muito mais conhecidos aqui e lá fora por oferecer performance e consumo de bateria bastante equivalente aos modelos da Qualcomm da linha Snapdragon, que são muito mais famosos. O problema é que muita gente não sabe qual modelo é de entrada, intermediário e top de linha. A ideia desse comparativo é mostrar quais são os melhores modelos e a equivalência entre modelos de marcas diferentes. Primeiramente, vamos conhecer os modelos mais recentes de cada marca até que no final iremos para o comparativo.

Serie Helio da MediaTek

Essa serie de chipsets da empresa está dividida em três subcategorias, são elas: MediaTeck Helio serie A, MediaTeck Helio serie P e MediaTeck Helio serie X. Da esquerda para direita, chipset para modelos de entrada, intermediário e topo de linha.

MediaTek Helio serie A –  Sua criadora não gosta que chamemos essa seria de entrada, mas sim, de gama média, porém, sabemos que não é, mas isso não quer dizer que essa seria seja ruim ou fraca ao ponto de não equipar bem seu dispositivo, muito pelo contrário, ela deve dar conta de praticamente todas as funcionalidades, mas não com a mesma maestria dos modelos da serie P ou X.

Resultado de imagem para MediaTek Helio A22

O Helio A22, por exemplo, é um processador Quad-Core com clock de até 2,0 Ghz que vem com uma GPU PowerVR GE classe IMG e memória LPDDR4x de alta velocidade. O grande problema desse modelo é o fato dele ser uma CPU ARM Cortex-A53, que já é considerada ultrapassada por muitos especialistas. Por isso consideramos que este modelo servirá melhor em aparelhos de baixo custo.

MediaTek Helio serie P – Os chipsets da série Helio P são bastante ágeis e poderosos, fornecendo aos fabricantes de smartphones uma ferramenta altamente flexível para diferenciação de desempenho-mainstream. Aqui nos temos vários modelos, são eles o Helio P10, P18, P20, P22, P23, P25, P30 e P60. 

Resultado de imagem para MediaTek Helio P60

Dando mais ênfase no melhor deles, temos o Helio P60. Ele é um Quad-Core que também ainda usa uma CPU Cortex, porém, por ser a A73, temos algo mais poderoso e muito mais moderno, construído com tecnologia de 12 nm da TSMC. A GPU é uma ARM Mali-G72, conhecida por entregar bons resultados em renderizações 2 e 3D, mas, o grande destaque desse modelo é que ele traz a inteligência do NeuroPilot. Sua arquitetura de computação AI heterogênea funciona perfeitamente em CPU, GPU e APU móvel dentro do SoC. A APU Móvel inclui um processador multi-core combinado com uma lógica de controle inteligente. É 2x mais eficiente em termos de consumo de energia do que uma GPU e gera um desempenho de processamento AI de borda líder da categoria de 280GMAC. 

MediaTek Helio serie X – Esses modelos são os mais caros, assim como são os mais poderosos da fabricante. Nessa seria encontraremos os seguintes modelo: Helio X10, X20, X23, X25, X27 e X30.

Resultado de imagem para MediaTek Helio X30

Vamos pegar o mais poderoso deles, o X30. Estamos falando de um chipset super moderno construído com tecnologia de 10 nm da TSMC, que aumenta o desempenho em até 22% e economiza energia em até 40% em relação aos produtos de geração de 16 nm. Ele também apresenta um design exclusivo de 10 núcleos (deca-core) em três clusters: ARM Cortex-A73 dual-core até 2,6 GHz, ARM Cortex-A53 quad-core até 2,2 GHz e ARM Cortex-A35 quad-core até 1,9 GHz. Esse modelo suporta até 8 GB de memória RAM LPDDR4X, suporta aprendizagem profunda e vídeos em 4K com HDR.

Qualcomm Snapdragon series

Assim como a MediaTek, a Qualcomm tem series de processadores diversos, cada uma delas voltada para uma categoria de dispositivos, sejam eles baratos, de custo intermediário e os premium, que são os mais caros. Falaremos das linhas mais modernas apenas, mas saibam que as serie serão as 200, 400, 600, 700 e serie 800.

Qualcomm Snapdragon 212 – A série Qualcomm 200 foi projetada para OEMs que atendem consumidores que, de outra forma, poderiam não ter acesso a dispositivos móveis de qualidade, acessíveis e confiáveis. Ele dão conta do recado, se as tarefas foram mais simples, porém, a conectividade está garantida nessa serie.

Resultado de imagem para Qualcomm Snapdragon 212

O destaque da serie fica por conta do Snapdragon 212. Ele é um Quad-core que tem uma CPU ARM Cortex A7 que trabalha em parceria com uma GPU Adreno 304. Aceita câmera de até 8 MP e conta com um modem 4G/LTE embutido.

Qualcomm Snapdragon 430 – A série Snapdragon 400 foi projetada para suportar os recursos mais populares de smartphone e IoT, incluindo conexões abrangentes com a Internet, tecnologias de câmera de ponta, telas Full HD e áudio de alta fidelidade. O modelo mais conhecido dessa serie é o Snapdragon 430. Ele vem com um modem Qualcomm Snapdragon X6 LTE integrado, a GPU é uma Adreno 505 e A CPU é uma Cortex A53. Ele foi construído usando a tecnologia de 14 nm, porém, sua CPU não é tão moderna como gostaríamos.

Resultado de imagem para Qualcomm Snapdragon 430

Seu foco não é performance, mais sim, versatilidade e baixo consumo energético, servindo muito bem a modelos que podem ter câmera de até 21 MP. Muitos aparelhos vendidos no Brasil usam esse chip, como é o caso do Moto G5S.

Qualcomm Snapdragon 625 e 660 – Essa linha foi projetada com foco em desempenho, eficiência e versatilidade, oferecendo experiências superiores de usuário móvel em uma variedade de formatos, de smartphones e tablets a designs incorporados e carros conectados. Ela seria o meio termo entre os chipset da marca.

Nela temos dois grandes destaques, um modelo mais antigo, porém, ainda muito usado por diversas fabricantes, que é o Snapdragon 625, e um modelo mais novo, que está começando a ganhar notoriedade agora, que é o Snapdragon 660. Falemos do mais recente deles, o 660.

Resultado de imagem para Qualcomm Snapdragon 660 Mobile Platform

O grande destaque do Snapdrago 660 é a CPU ARM Kryo, que é mais moderno que os núcleos Cortex. A GPU é uma Adreno 512, também bastante moderna. Outro destaque é para a tecnologia Qualcomm Spectra, voltada para câmeras. Ele também foi construído no processo de 14 nm, que é bastante moderno. Esse chipset também conta com ferramentas de inteligência artificial. Alguns dos modelos de smartphone que são equipados com eles são: Xiaomi Redmi Note 5 e o Nokia 7 Plus. No Brasil temos o Asus ZenFone 4 (ZE554KL).

Qualcomm Snapdragon 710 – Essa serie suporta recursos premium sob demanda, como o Qualcomm Artificial Intelligence Engine (AIE) e recursos avançados da câmera, para smartphones mais modernos. O destaque a linha é o Snapdragon 710.

Resultado de imagem para Qualcomm Snapdragon 710

Esse modelo tem como principal diferencial o fato dele ter sido construído com a tecnologia de 10 nm, ainda mais moderna que o processo de 14 nm dos demais modelos. Outro destaque é que ele vem com a Qualcomm AI Engine multi-core, que foi projetada para fornecer até 2x melhorias gerais para aplicativos de AI. Aqui nós temos a moderna CPU Kryo 360 + GPU Adreno 616 e um modem LTE Qualcomm X15. Por fim, o suporte ao Qualcomm Quick Charge 4, que é o carregamento rápido. O Qualcomm Spectra 250 ISP também está garantido com câmeras até 32 MP.

Qualcomm Snapdragon 835 e 845 (mobile) – Essa é a serie mais top da marca. Também há modelos da serie 800 para PCs com Windows 10, mas não falaremos deles hoje. Essa serie tem dois destaques, são eles: o Snapdragon 835, que é o mais popular dentre os top da atualiade, talvez pelo fato do 845 ainda ser bastante novo, e o Snapdragon 845. Vamos falar do mais recente, o 845.

Resultado de imagem para Qualcomm Snapdragon 845

O Snapdragon 845 é o que há de mais moderno em chipsets ARM para dispositivos móveis. Sua CPU é composto de 8 núcleso (Octa-Core) Kryo 385 que podem atingir um clock de 2,8 Ghz. Para processar os gráficos nós temos uma GPU Adreno 630 que suporta Open GL ES 3.2, Abrir CL 2.0, Vulkan e DirectX 12. O modem é um X20 LTE, que permite velocidade de download de até 1,2 Gbps. Esse processador é tão poderoso que, assim como o 835, tem sido usado por OEMs e pela Microsoft para rodar uma versão ARM de 64 bits do Windows 10.

Comparativo: MediaTek Helio Serie VS Qualcomm Snapdragon Serie

Adianto que não existem correspondentes perfeitos, mas sim, alguns equivalentes com algumas diferenças:

Essa é uma comparação um tanto quanto superficial e uma análise mais aprofundada pode aproximar ou afastar ainda mais um modelo do outro. Serve apenas como base para uma comparação mais simples e rápida.

Compartilhe:

Comentários: